TRENDING NEWS

recent

Amaranthe - "Maximalism" Review


"Maximize" começa ao melhor do que aquilo que o disco sound consegue nos dar nos dias de hoje. Ou há dez anos atrás. Temos um pouco dificuldade porque a música de dança parece-nos toda igual, mas ainda conseguimos reconhecer música de dança quando a ouvimos. Só com este começo, teríamos tudo para nos pôr a milhas, mas há um outro elemento que nos consegue cativar pelo menos para ouvirmos até ao final este álbum. Os refrões e as melodias apontam-nos para aquelas melodias que ouvimos bastante na década de oitenta que se convencionou chamar de euro-music (e que apanhámos também no power metal, chamando-se logicamente, euro metal).

Todavia, isto não surge como surpresa para nós. Já nos tínhamos deparado com os Amaranthe aquando da edição do EP "Breaking Point - B Sides" e o que sentimos na altura é que esse registo, que trazia uma série de temas acústicos de interesse reduzido, só ganhou interesse nas faixas em que a banda demonstrava a sua sonoridade em todo o seu esplendor. Ou desgraça. Deveríamos estar calados porque aqui temos com "Maximalism" os Amaranthe em todo o seu esplendor (ou desgraça) e não é bonito de se ver. Ou melhor é, e por isso é que não é. Perceberam? Não é fácil de explicar, é algo que se sente.

Quando ouvimos um tema como "That Song" temos a descrição perfeita do que queremos dizer. Os Amaranthe pegam no metalcore popularizado por bandas como Sonic Syndicate (que foram uma praga à sua maneira) e dotaram-lhe de refrões do mais pop possível, que qualquer pessoa que ouça rádio engula sem espinhas. E o que irrita, é que nós também damos por nós a engulir e a bater o pézinho em temas como "21", "On The Rocks" e "Faster" sem sequer nos apercebermos disso. Tal como dissemos a propósito dos To The Rats And Wolves, este é um trabalho a evitar por parte dos fãs de metal mais tradicional mas que os menos preconceituosos poderão encontrar algo de valor, mais que não seja uma série de músicas que tão cedo não sai da cabeça.

01. Maximize
02. Boomerang
03. That Song
04. 21
05. On The Rocks
06. Limitless
07. Fury
08. Faster
09. Break Down And Cry
10. Supersonic
11. Fireball
12. Endlessly
Duração 40:53


Nota 7/10



Tags

Related Posts

Review

Sem comentários:

Enviar um comentário

Imagem
World Of Metal
World Of Metal - Zine, Radio and TV - Support Us On Patreon!

World Of Metal - Zine, Rádio e TV - Apoie-nos no Patreon!

random
World Of Metal. Com tecnologia do Blogger.