TRENDING NEWS

recent

Obituary - "Ten Thousands Ways To Die" Review


Os mestres da mortandade estão de volta! Mesmo sendo num álbum ao vivo, é motivo para festejo, embora o início deste álbum possa enganar um pouco, já que inicia-se com duas músicas de estúdio - normalmente, as mesmas costumam vir no final dos trabalhos ao vivo - o que começa logo por dar a vibe errada para aquele que se quer como uma celebração do trabalho da mítica banda norte-americana em cima de um palco. Independentemente disso, as duas músicas em questão são excelentes, sendo a primeira, "Loathe", a misturar aqueles riffs paquidérmicos death/doom, cheios de groove e aquele peso característico Obituary, sem falar no uso à repetição que parece que só resulta com eles. A segunda é death metal à la Obituary, com um riff também cheio de groove, fácil de assimilar.

Um bom início mas o que viemos cá todos ver era mesmo a banda ao vivo. Temos de confessar que tinhamos algum receio já que o anterior (e primeiro) álbum ao vivo, "Dead", lançado no final da sua primeira encarnação, é um dos melhores álbuns ao vivo de death metal que ouvimos, com um som simplesmente brutal. Conseguir captar essa brutalidade em disco, aquela que a banda debita em cima dos palcos, não é fácil mas foi atingido na perfeição. E agora? Quase vinte anos depois? Bem, o som pode não ser tão perfeito (principalmente no que diz respeito na prestação de Donald Tardy que parece que está uns furos abaixo daquilo que estamos habituados), mas anda lá perto, e quanto à selecção de músicas, o que temos aqui é um desfilar de clássicos.

A abrir temos a instrumental "Redneck Stomp" do "Frozen in Time" que é a abertura ideal para uma actuação ao vivo, cheia de groove que é seguida por um dos grandes momentos do último trabalho de originais "Inked In Blood", a "Centuries Of Lies". Do mesmo álbum ainda temos a "Visions In My Head". Claro que os momentos mais clássicos não poderiam ficar de parte e assim temos "Intoxicated", "Bloodsoaked", "'Til Death",  (do "Slowly We Rot"), "Dying", "Find The Arise", "Chopped In Half" junta à "Turned Inside Out" (do "Cause Of Death") e "Don't Care" (do mal amado "World Demise").

Agora os problemas que encontramos... seria sempre difícil um lançamento destes conseguir satisfazer todos mas teremos que falar daquilo que são os pontos fracos. Para já a mistura e o som de cada música é diferente de faixa para faixa, o que se compreende visto que foram gravadas em diversas localidades. Felizmente a qualidade é aceitável como afirmámos atrás. No entanto, ficamos com a sensação de que, tal como dissemos atrás, sendo um álbum ao vivo uma celebração da banda com os seus fãs, para os seus fãs, que este trabalho peca por ser escasso. São pouco mais de quarenta minutos (tirando as faixas de estúdio, obviamente) onde temos os clássicos é certo mas não temos a representação de temas mais recentes da banda e que os fãs gostariam de ver/ouvir ao vivo. Sabendo que a banda provavelmente teve uma setlist pouco mutável durante a digressão, estes foram os melhores momentos registados dessa mesma digressão, mas infelizmente fica-se com a sensação de que Obituary merecia mais.

Soube a pouco mas é o que se tem. Para os fãs, não deverá interessar muito, mas não deixamos de sentir que foi uma oportunidade perdida.


1. Loathe
2. Ten Thousand Ways to Die
3. Redneck Stomp (live, The Mayan, Los Angeles)
4. Centuries of Lie (live, The Masquerade, Atlanta)
5. Visions in My Head (live, Baltimore Soundstage, Baltimore)
6. Intoxicated (live, Revolution Center, Boise)
7. Bloodsoaked (live, Irving Plaza, New York)
8. Dying (live, Metro, Chicago)
9. Find the Arise (live, Opera House, Toronto)
10. 'Til Death (live, House of Blues, San Diego)
11. Don't Care (live, Club Red, Phoenix)
12. Chopped in Half / Turned Inside Out (live, The Ritz Ybor, Tampa)
13. Slowly We Rot (live, Revolution Live, Fort Lauderdale)
Duração 54:45


Nota 7/10




Tags

Related Posts

Review

Sem comentários:

Enviar um comentário

Imagem
World Of Metal
World Of Metal - Zine, Radio and TV - Support Us On Patreon!

World Of Metal - Zine, Rádio e TV - Apoie-nos no Patreon!

random
World Of Metal. Com tecnologia do Blogger.