TRENDING NEWS

recent

Versus Review


Ora aqui temos mais uma alucinação oriental mas desta feita em carne e osso. Realizado por Ryuhei Kitamura e interpretado por Tak Sakaguchi, Yuichiro Arai, Hoshimi Asai e Toshiro Kamiaka, todos actores que viamos todos os fim de semana no parque Mayer. Bem, vamos tornar isto menos doloroso para todos e fazer um breve resumo do argumento. Aparentemente existem 666 portais para o além e um deles está no meio de uma mata do Japão. É aqui o ponto de encontro de dois fugitivos com um grupo da Yakuza que tratou da sua fuga. 

A coisa dá para o torto e um deles é morto. Entretanto (e é aqui que ganha interesse) ele levanta-se e começa a atacar toda a gente. O prisioneiro sobrevivente (Tak Sakaguchi) foge para a floresta com uma rapariga que os criminosos tinham feito refém. Aparentemente o portakl tem o poder de ressuscitar os mortos e o derramento de sangue desta rapariga (que conveniente) irá fazer com que quer que esteja com ela fique super, hiper poderoso. O fugitivo não sabe disto ainda e também não sabe que numa vida anterior, ele foi um poderoso samurai, a rapariga foi o seu amor e que o seu velho inimigo iria voltar para um ajuste de contas. Rebuscado não é? Pronto, é japonês. E isso diz tudo. 

E tal como em CERTOS filmes de anime, as personagens têm reacções estúpidas, temos flashbacks a mil à hora (são tantos que eu tive que usar óculos escuros durante o filme.-Ok a piada é estúpida mas o que esperavam de mim?), personagens que caiem de paraquedas e desaparecem de morteiro e o final...meus amigos, o que é aquilo? Que final é aquele?É para nos questionarmos do porquê de termos perdido tempo a ver este filme de quase 2 horas (!!)? Acho que era escusado, visto que se tem essa sensção ao longo de todo o filme.

Para quem gosta dos filmes de série ZX dos anos 80 ou dos primeiros filmes de Sam Raimi e Peter Jackson antes da aclamação artí$tica este de certeza que não desilude, a não ser talvez o final... Tem sangue, decapitações, voos, falhas de argumento (claro que esses pormenores para os japoneses são uma mais valia) sangue, membros decepados, mortos vivos, artes marciais, máfia japonesa (que aqui são um pouco como a máfia italiana nos filmes de comédia americanos, mais estúpidos que os restantes), duelos de espadas, um mega vilão super mauzão que bate em todos e um final que não lembra ao diabo. Enfim o filme das vossas vidas. Quanto a mim deu para rir algumas vezes e para chorar nas restantes.
Nota 5/10


Tags

Related Posts

CinemaTV

Sem comentários:

Enviar um comentário

Imagem
World Of Metal
World Of Metal - Zine, Radio and TV - Support Us On Patreon!

World Of Metal - Zine, Rádio e TV - Apoie-nos no Patreon!

random
World Of Metal. Com tecnologia do Blogger.